Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais – Guia de Paris

?>

Estás a planear uma viagem para Paris e gostarias de descobrir algumas dicas de Paris realmente úteis para desfrutares ainda mais desta maravilhosa cidade ? Daquelas dicas que só quem já visitou a cidade te pode dar?  Dicas de como arranjar um hotel ao melhor preço, dicas de como poupar no transporte público, dicas não só dos melhores hotéis, mas também dos melhores e mais baratos restaurantes? Então, senta-te, porque  vamos partilhar contigo tudo o que aprendemos durante a semana que passámos em Paris, neste guia de Paris repleto de dicas úteis.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Seria óptimo visitar Paris sem ter mais preocupações do que a expectável dificuldade em tomar decisões numa cidade como Paris. Afinal de contas como se escolhe de ânimo leve entre um croissant ou um éclair  de pequeno-almoço?  Ou entre queijo Brie ou Camembert? Ou entre o Musée du Louvre ou o Musée de l’Orangerie?

Se encontraste este artigo antes de ires de viagem ou nos teus primeiros dias em Paris, então estás no bom caminho para que os teus dias em Paris sejam marcados apenas pelas pequenas e deliciosas indecisões da vida de turista em Paris.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº1: Escolhe aterrar no aeroporto de Orly ou Charles de Gaulle

Paris tem mais do que um aeroporto. Por isso, achamos importante alertar-vos para estarem atentos quando comprarem aquele voo, obscenamente, barato da Ryanair ou de qualquer outra companhia low-cost.

O voo pode sair-vos, de facto, baratíssimo, mas os custos extra e o tempo perdido para se deslocarem do aeroporto mais distante de Paris pode não justificar a poupança extra de alguns euros. Fiquei, especialmente, atenta a este pequeno grande pormenor quando decidi  comprar um voo da Ryanair para Frankfurt, mais precisamente, para o aeroporto de Frankfurt-Hahn. E, só quando aterrei, é que me apercebi que esse aeroporto ficava, a nada mais, nada menos, do que 125km da cidade de Frankfurt.

O aeroporto de Orly é o mais próximo de Paris, ficando apenas a 14km do centro da cidade. Foi neste aeroporto que escolhemos aterrar.

O nosso voo com a Transavia custou 175€ ida e volta, com bagagem de porão incluída. A Transavia é  uma companhia aérea low-cost que pratica voos para o aeroporto de Orly a um preço que pode não ser tão simpático como o que a Ryanair pratica para o aeroporto de Paris Beauvais. No entanto, continua a parecer-nos uma óptima e mais vantajosa opção, até porque o aeroporto de Beauvais fica a mais de 80km de Paris e porque também não é raro vermos notícias de voos da Ryanair cancelados.

O Aeroporto Charles de Gaulle, também conhecido como Aeroporto Roissy, é o principal aeroporto de Paris. Dista 26km do centro de Paris e também é uma boa opção para aterrar.

A não ser que os voos da Ryanair ou de qualquer outra companhia low-cost estejam absurdamente baratos para não conseguirem resistir, não vos recomendamos escolher um voo que aterre no aeroporto de Beauvais, que fica a mais de 80 km de Paris, o que se traduz em mais de hora e meia de viagem até ao centro da cidade. E, tão pouco, recomendamos o aeroporto de Vatry, que a Ryanair gosta de apelidar carinhosamente como aeroporto “Paris-Vatry”, mas fica a mais de 150km de Paris. Podem ler aqui uma história de “terror” de alguém que escolheu o aeroporto de Vatry para aterrar e que só pagou 110€ no bilhete de ida e volta, mas que teve de desembolsar 240€ só para conseguir chegar de Vatry a Paris.

Assim sendo, quando comprarem o vosso voo para Paris tenham atenção, muita atenção, ao aeroporto onde vão aterrar.  Muitas das vezes, atrás do preço tentador de uma passagem aérea está escondida uma distância do centro da cidade que pretendem visitar medonha.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Onde comprar  macarons baratos em Paris? – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº2: Onde comprar  macarons baratos em Paris?

Como bons gulosos que somos, claro que, tínhamos de provar os famosos e caros macarons da Ladurée.

Tínhamos altas expectativas para estes mini bolinhos que tanta gente adora. Porém, não se revelaram a nossa iguaria de eleição em Paris.

A pequena caixa que comprámos na Ladurée, com 6 macarons, custou 17,10€. Ou seja, cerca de 2,85€ por cada macaron. Se considerarmos que cabem na cova de um dente, é um bocado caro.

Os macarons mais baratos que encontrámos em Paris foram das lojas “Maison Georges Larnicol

Decidimos comprar uns quantos e testá-los para poder compará-los com os da Ladurée e, apraz-nos dizer que, gostámos bastante. A massa destes também é delicada e o recheio delicioso. A diferença mais nítida entre os macarons da Ladurée e da Maison Georges Larnicol, é que estes últimos, tinham um sabor mais acentuado a amêndoa, o que na nossa opinião, até é uma vantagem.

Se forem, realmente, fãs de macarons aconselho-vos a fazerem o teste. Experimentem alguns dos mais caros e prestigiados como os das lojas Ladurée e  Pierre Herme. Depois comparem com os da Maison Georges Larnicol.

quatro lojas Maison Georges Larnicol em Paris. Nestas lojas podem comprar macarons avulso a 80 cêntimos. Uma caixa com 16 macarons, custa-vos o preço justo de 16€. 

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Terraço das Galeries Lafayette – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº3: Poupa dinheiro nos transportes públicos de Paris

Com muita pena, só descobrimos o Navigo Découverte nos últimos dias da nossa estadia em Paris.

 Quando visitamos uma nova cidade, preferimos andar o máximo possível a pé mas, muitas vezes, depois de um dia a calcorrear ruas e ruelas a pé, cada músculo do nosso preguiçoso corpo já pede descanso. E, muitas vezes, optamos por regressar, ao final do dia, ao hotel onde estamos alojados de transporte público. Ainda que tal como nós, estejam a pensar andar a pé tanto e quanto as vossas perninhas aguentarem para conhecerem o melhor possível a cidade, não deixaria de ser simpático ter acesso a um número ilimitado de viagens em todos os transportes públicos da cidade e também para a Disneyland e palácio de Versailles pela módica quantia de 22.80€. Não concordam?

Ao preço fixo do passe (22.80€), acresce 5€  extra pela emissão do mesmo. Pelo que, o custo real do passe semanal Navigo Découverte será, na realidade, 27.80€. Ainda assim, considerando que ir e voltar da Disneyland nos custou cerca de 15€, ter um passe semanal para os transportes públicos de Paris que inclui também viagens até ao Palácio de Versailles e a Disneyland, não deixa de ser um óptimo negócio.

ATENÇÃO!:

  1. Podem comprar o Navigo Découverte, praticamente, em qualquer estação de metro ou comboio de Paris.
  2. Levem convosco uma foto tipo passe. Vão precisar dela para fazer este passe semanal de Paris. Caso o vosso  Navigo Découverte não tenha a vossa foto podem ser multados.
  3. Algo importante também a ter em consideração é a validade de passe. A validade começa sempre na segunda-feira e expira no domingo seguinte. Caso cheguem a meio da semana, optar pelo Navigo Découverte pode não ser a melhor opção.
  4. Na hipotética situação de vos ser dito que não têm direito a usufruir do Navigo Découverte  por não serem residentes na cidade e vos fazerem optar por uma opção mais dispendiosa saibam de antemão que tal informação não é verídica e estão a tentar enganar-vos. Tal como podem ler no site oficial do passe Navigo, o  Navigo Découverte é para todos. “Elle est ouverte à tous (Franciliens et non Franciliens).”

Se estiverem em Paris, apenas durante um fim-de-semana ou um ou dois dias pode não se justificar comprar o passe Navigo Découverte. Nesse caso, o nosso conselho é que mal cheguem a Paris, comprem o pack de 10 bilhetes de metro por 14.90€. Se comprarem os bilhetes, individualmente, cada um, custar-vos-à 1.90€. Pelo que ao comprarem o pack de 10 bilhetes, estão a poupar 4€.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Museu do Louvre – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº4: Visitar o Louvre – Informações Importantes

Louvre: Qual a melhor entrada?

Chegámos ao Louvre às 17h, e claro que, havia uma grande fila no exterior. Já tínhamos feito o trabalho de casa e pesquisado qual a entrada onde a fila seria mais curta.

O Louvre tem quatro entradas principais. A entrada da Pirâmide, a entrada da Porta dos Leões (Porte des Lions), a entrada do Carrousel du Louvre (a entrada que escolhemos, perto da pirâmide invertida) e a entrada da Porte de Richelieu. 

Lemos nalguns sites que a Porte des Lions era uma das entradas secretas para aceder ao Louvre sem filas, mas se não são um grupo com um guia oficial podem esquecer esta entrada. Actualmente, a Porte des Lions serve apenas para grupos. Outra das entradas que também podem esquecer é a Porte de Richelieu que serve apenas para grupos ou para pessoas que possuem o passe anual .

Sendo assim, restam apenas duas entradas. A  mais famosa que é a da pirâmide do Louvre e a do Carrousel du Louvre. Ao contrário do que lemos na internet, a entrada do Carrousel du Louvre não nos pareceu em nada secreta, a fila era bastante longa, mas passado 1h já estávamos a entrar no museu. Quando vimos a enorme fila receámos que o tempo de espera fosse muito superior.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Fila de segurança para entrar no Louvre – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Esta é a fila de segurança, independentemente, de terem bilhete ou não, têm que esperar nesta fila. Depois de passarmos pela fila de segurança, não tivemos de esperar mais de 10 minutos para comprar o bilhete do Valter.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Palais de Tokyo – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº5: Se tiveres menos de 25 anos a entrada é gratuita em muitos dos museus de Paris

A entrada é gratuita em muitos de museus de Paris, inclusive o Louvre, se tiveres menos de 25 anos e fores residente da União Europeia. Se este for o teu caso, em vez de comprar bilhete só tens de mostrar o cartão de cidadão. Podes consultar aqui todos os museus que oferecem esta vantagem aos jovens.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Rue Dénoyez, Belleville – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº6: Como pagar menos por alojamento em Paris?

#1 Faz as reservas o quanto antes!

O preço que vais pagar pelo alojamento está intimamente relacionado com a altura do ano em que estás a ponderar visitar Paris e da antecedência com que fazes as reservas. Quanto mais cedo reservares melhor.

Não cometas o mesmo erro que nós e reserva o mais cedo possível! Nós, levámos tanto tempo indecisos, com dificuldade em escolher qual o hotel que mais nos fazia palpitar o coração que quando, finalmente, nos decidimos a reservar, verificámos que os preços que, anteriormente, tínhamos visto haviam subido exponencialmente. Ou que já não tinham vaga nas datas que pretendíamos. Pelo que, tivemos de colocar de lado qual o hotel que mais nos fazia sentir borboletas no estômago e escolher aquele que menos estragos faria na nossa carteira e orçamento de férias.

#2 Estadias longas no mesmo hotel podem ficar mais baratas do que uma estadia de apenas 1 noite

Exemplo prático: Ao pesquisar o preço de uma noite num dos hotéis onde ficámos, o ibis Montmartre, verificamos que apenas uma noite neste hotel custa 97€. No entanto, se para as mesmas datas, estendermos a estadia a 5 noites o custo total é de 382€. Ou seja,  o custo por noite desceu para 76,4€.

Dividimos a estadia entre o ibis Sacre Coeur e o ibis Montmartre. Seis noites de alojamento em Paris custaram-nos um total de 530€. Se também estiverem à caça de uma opção económica, recomendamos, sem hesitar, o ibis Montmartre , em detrimento do ibis Sacre Coeur. O edifício era mais moderno, os quartos e casa de banho mais amplos.

 #3 Consulta o site da Booking e pesquisa o preço, por exemplo, para o ibis Montmartre ou ibis Bastille Opera 

A sugestão de escrever “ibis Paris Montmartre” ou “ibis Paris Bastille Opera“, na Booking, é só mesmo uma sugestão. Pela nossa experiência a utilizar a Booking, acreditamos que ao digitar um hotel deste género na pesquisa, a Booking, terá noção de que procuram um alojamento sem muitos luxos, mas bonitinho e confortável. E, claro, barato! E, fará os possíveis, para vos mostrar sugestões que vos possam agradar.

Exemplo prático: Enquanto escrevo este artigo experimentei procurar se o preço que encontrámos no ano passado para o ibis Paris Montmartre se mantinha para seis noites no mês de Abril deste ano. Descobri que está 100€ mais caro do que no ano passado. Porém, continuei a deslizar o cursor para baixo, passei inclusive para a página 2 e, rapidamente, encontrei o  ibis Paris Porte d’Italie a 354€ para 6 noites num quarto duplo e o  ibis Paris Bastille Opera a 457€ para as mesmas 6  noites. Nada mau! Comparando estes dois, recomendaria o ibis Paris Bastille Opera pela sua óptima localização. Seis noites de alojamento em Paris, por menos de 250€ por pessoa, num hotel confortável é extraordinário.

Ainda que não pretendam ficar num hotel da cadeia ibis, a Booking pode sugerir-vos outros hotéis com uma relação custo-benefício semelhante que se enquadre no vosso orçamento de férias.

Outras sugestões económicas:  Arty Paris Porte de Versailles by Hiphophostels | Vintage Paris Gare du Nord by Hiphophostels | Le Regent Montmartre by Hiphophostels Le Village Montmartre by Hiphophostels | Smart Place Gare du Nord by Hiphophostels | ibis Paris Montmartre | ibis Paris Porte d’Italie | Sejours & Affaires Paris-Davout | Motel One Paris-Porte Dorée

Se não estão necessariamente à procura do mais barato, mas também do melhor bairro/arrondissement  ou do mais romântico alojamento para ficar hospedado em Paris, não deixem de ler o nosso guia : Onde ficar em Paris? Dicas de Hotéis em Paris

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Onde comer barato em Paris? Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº7:  Onde comer bem e barato em Paris?

Se tivéssemos que eleger o melhor local para encontrar restaurantes a um bom preço o Quartier Latin sairia vencedor. As estreitas ruas do Quartier Latin estão repletas de restaurantes de todos os tipos, gregos, marroquinos, libaneses, franceses, a preços óptimos. Encontrámos vários restaurantes com menus de degustação: entrada, prato principal e sobremesa entre os 10€ e os 15€. 

As melhores ruas do Quartier Latin para encontrarem estes restaurantes giros e baratos são:  Rue La Huchette, Rue Xavier Privas, Rue de La Harpe

Se gostavas não só de descobrir sugestões de onde comer bem e barato em Paris, mas também onde encontrar o melhor pequeno-almoço de Paris por apenas 10.50€, um restaurante onde o vinho é servido em biberões e muito mais, não deixes de ler o nosso artigo: Onde Comer em Paris? Guia Para Comer Bem e Barato em Paris.

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Citypharma – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº8: Reabastece o teu stock de cremes na Citypharma

Gostas de cremes baratos? Claro que gostas!! Afinal, quem é que não gosta de encontrar coisas de qualidade a um preço mais baixo? Paris é um óptimo destino para comprar cosmética porque os preços são mais baixos do que estamos habituados.

França não é apenas conhecida pelos seus óptimos vinhos e ampla variedade de queijos, mas também pelos seus inúmeros cosméticos de excelência. Haverá melhor lugar para reabastecer o stock dos teus cremes favoritos do que Paris? Então, prepara-te e leva bagagem de porão. E não te esqueças de fazer uma lista prévia com o que precisas, porque é muito fácil perder o norte quando te deparas com tanta escolha.

Nem todos os cremes são assim tão mais baratos. Por vezes, é apenas uma diferença de 3 a 4€, o que já é bom. Mas depende muito das marcas. Também encontrei cremes a metade do preço, principalmente os da SVR, uma das minhas marcas favoritas para comprar o meu creme da rosácea.

Importante: A Citypharma é uma das parafarmácias com os melhores descontos em Paris, vão preparados para encontrar legiões de pessoas e ter dificuldade a mover-se nos corredores.

Localização: 26 Rue du Four | Fica apenas a 15 minutos a pé da Shakespeare & Company

Horário: 2ªf-6ªf abre das 8h30 às 20h; sábado abre das 9h às 20h e encerra aos domingos

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº9: Deixem as pontes sossegadas e dêem um uso mais útil aos cadeados, na vossa mochila

Paris, como a grande maioria das cidades europeias minadas de turistas, é o lugar ideal para os carteiristas exercerem com mestria a sua arte. Por isso, se querem uma relação duradoira e que não vos falte dinheiro para irem jantar fora, nem documentos para regressar a casa, invistam num cadeado mas abstenham-se de o colocar numa das muitas pontes de Paris. Coloquem-no na vossa mala, Paris e as suas pontes agradecem .

Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais - Guia de Paris

Disneyland Paris – Viagem para Paris: 12 Dicas de Paris Essenciais

Dica nº10: Disneyland Paris

Quando planeámos a nossa semana em Paris, não estávamos a cogitar incluir a Disneyland Paris no nosso roteiro. Mas depois de estarmos em Paris começámos a pensar melhor no assunto e achámos que seria uma pena passar uma semana em Paris e não aproveitar para ir à Disney num desses dias.

Já em Paris, acabámos por comprar os bilhetes para a Disneyland. No entanto, como não fizemos nenhuma pesquisa prévia sobre a Disneyland. Perdemos tempo desnecessário em filas porque nem sonhávamos que existia algo chamado fastpass e tão pouco investigámos quais seriam as diversões a não perder.

Adorámos o nosso dia na Disney, mas para que não cometam os mesmos erros que nós, decidimos criar  o Guia Essencial Para Visitar a Disneyland Paris: Dicas & Outros Conselhos Preciosos, um artigo cheio de informação útil para quem está a planear visitar a Disneyland Paris, com os seus pequenos ou, mesmo, sem pequenos, como nós. Aqui, reunimos toda a informação que gostávamos de ter recebido antes de visitar a Disneyland Paris!

 Dica nº11: Onde comprar um vestido de noiva bonito e barato em Paris?

Esta dica, comparativamente, com as outras pode parecer um bocado inusitada e fora do contexto de dicas meramente turísticas, mas não podia deixar de partilhar com vocês esta pertinente observação.

Meninas, se estão à procura de um vestido de noiva bonito, daqueles que vimos nos filmes, mas não querem ir à falência, a Boulevard de Magenta é um óptimo local para irem. Ainda que não procurem um vestido de noiva, mas apenas um vestido de cerimónia para casamentos, baptizados, bailes, este pareceu-me o local ideal.

Podem sair na estação de metro Barbès – Rochechouart e caminhar pela Boulevard de Magenta até à Gare du Nord, certamente, encontrarão algum vestido que vos encha a vista. Não quero ferir susceptibilidades, mas este conselho só serve se não forem muito chiques e se não estiverem à procura de vestidos de marca.

Dica nº12: Descobre o Musée des Arts Forains

Se gostas de descobrir museus e actividades fora do vulgar, no 12.º arrondissement estarás no local certo para descobrir o Musée des Arts Forains, um museu privado que colecciona objectos provenientes de antigas feiras populares e parques de diversões, localizado dentro dos Pavillons BercyATENÇÃO!: Apenas é possível visitar este museu com reserva prévia ou em alturas em que está aberto ao público, como por exemplo, no Le Festival du Merveilleux, que decorre perto da altura natalícia.

Adoramos fornecer informação e conselhos grátis aos nossos leitores. No entanto, para ajudar a sustentar o nosso blogue e pagar alguns dos nossos vícios (comida & viagens) colocámos alguns links afiliados ao longo deste artigo. O que significa que ganhámos uma pequena comissão se fizeres uma reserva através de um dos nossos links, sem qualquer custo extra para ti.

LEAVE A COMMENT

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

RELATED POSTS